sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Menos sacolinhas e menos saquinhos também!

Uma das ótimas surpresas da mudança para o interior foi a descoberta de que nos supermercados daqui já há tempos não se esbanja sacolas plásticas.
Além de ser muito mais comum do que em São Paulo ver compras embaladas em sacolas retornáveis, aqui economiza-se também aquele saquinho de embalar vegetais a granel nos setor de hortifruti.
Clientes e funcionários estão mais do que acostumados a lidar com frutas e legumes dentro de um mesmo saco plástico. O que se faz é pesar cada item separadamente, claro, e então o próprio funcionário da balança vai colocando tudo dentro de um só saquinho e juntando as etiquetas, que são passadas individualmente no leitor do caixa.
O que também se vê muito por aqui é gente abolindo de vez o saquinho plástico e colando a etiqueta direto no vegetal (ou em um "representante" do grupo). Uma vez que tudo é lavado ou descascado, não há prejuízo para a saúde.
No fim das contas, quando isso deixa de ser novidade, a vida segue exatamente como seguia antes de inventarem o plástico. E nós, mais do que adaptados, nem nos lembramos mais que um dia tivemos hábitos diferentes.
Experimente. No começo pode parecer estranho, mas você não vai se arrepender de ter aderido!
Ou você conhece alguém que tentou, não gostou e voltou atrás, enchendo outra vez o lixo de embalagens descartáveis?

8 comentários:

  1. Mais que apoio esse movimento, sinto saudades de antigamente, a vida era menos plastificada.

    ResponderExcluir
  2. Sou do tempo em que não havia os hortifruti em massa. Era uma feira livre uma vez por semana e a gente ia com a sacola de lona - que durava uma vida! - e colocava tudo ali dentro; algumas mercadorias eram enroladas em papel, mas legumes, frutas e verduras iam misturados dentro da sacola, num festival de cores e diversidade. Sinto saudades e faço a minha parte, evitando os saquinhos.

    ResponderExcluir
  3. Isso que eu penso, muita gente reclama dessa mudança que está ocorrendo nos supermercados, como se fosse impossível viver sem aquelas porcarias de sacolas, mas é tudo uma questão de se acostumar e ninguém vai morrer por ter que usar menos plástico!!!

    Uma dica, ponha no post um link para gente compartilhar no facebook, dá para mudar no layout do post, é automático, o blogger já vem com essa opção!Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Eu sou do tempo em que nem existia sacola plástica ! Íamos fazer compras com sacolas de lona ou de palha.

    Aqui onde moro faço a feira no supermercado e já tentei reduzir os sacos plásticos, arrancando a etiqueta com o preço e reutilizando os sacos enquanto aguentassem. Mas a loja começou a usar uma etiqueta que não desgrudava - só arrancando o plástico junto. Também já pedi para colarem o preço no próprio produto.
    Agora vou tentar fazer como v. sugeriu, colocando todos juntos no mesmo saco.

    Para levar para casa eu uso sacolas de tecido, engradados plásticos ou caixas de papelão, pois faço compras 1 vez por semana, e de carro.

    O que mais me incomoda é quando eu explico para as pessoas que não quero pegar sacolas plásticas e elas me dizem que são muito úteis para colocar o lixo!!!
    Quantas mil sacolas eu preciso para colocar meu lixo ??? A quantidade de embalagem que recebemos é muito grande pois, além das sacolas ainda existe o plástico que embala tudo que compramos !

    Desde que mudei para cá, em 1991, separo meu lixo e reduzo o que consigo, mas apesar de 20 anos falando a mesma coisa, ainda sou vista como um ser estranho...

    Mas não podemos desanimar !!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Ju essa ideia de colocar tudo junto no mesmo saquinho é ótima! Ainda não vi por aqui mas vou dar a sugestão. Pelo menos baniram as sacolinhas plásticas e já usam sacos compostáveis na quitanda. Muita gente tem criticado a proibição das sacolinhas... mesmo com tantas sugestões de como substitui-las as pessoas não querem sair de sua zona de conforto.
    Ah! eu ainda não dei noticias sobre a muda de cambuci pq ainda não a plantei. Deixei por um tempo aqui no quintal de casa pra ela crescer um pouco e em breve ela irá para o rancho. Depois mando fotos. Beijos

    ResponderExcluir
  6. O pior de tudo é que tem lugar que não aceita isso, vcs acreditam?
    Eu mesma faço isso, e quando é o msmo preço coloco na mesmo saquinho, mas ja fui barrada em querer colocar a etiqueta direto em um melão.
    Ve se pode, ainda tem que melhorar muito, pra ficar bom.

    ResponderExcluir
  7. Eu sempre faço isso, no mercado onde faço compras também é normal

    ResponderExcluir
  8. Comecei a ter essa pratica num Supermercado e um dia a moça da balança disse que não podia mais fazer isso, de colocar todas num saquinho e colar as etiquetas por fora.

    ResponderExcluir

Muito obrigada por comentar.
E se você não tem um blog nem um endereço no gmail, para enviar seu comentário basta clicar na opção "anônimo", logo abaixo da caixa de texto. Mas, por favor, assine seu nome.