quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Besouro vaquinha

Diabrotica speciosa - 0,7 cm de puro charme!

Besouro Belisário

De casaca e gola alta
Vim inspecionar a horta
Atento, andei em folhas e caules de ponta a ponta
Balançando as antenas, conferi as plantas por conta

Com meus três pares de patas caminhei por entre couves e abobrinhas
Para constatar que aqui não se usa veneno nem mesmo para ervas daninhas
Estou feliz e gostei
Fiquei para morar e já me ambientei

Cumprimento todos pelo nome
E não me aperto quando estou com fome
Como de tudo um pouco
Mas é por abóboras que sou louco

No popular me chamam de vaquinha ou patriota
Mas no científico, Diabrotica speciosa é chacota!


Poesia escrita a quatro mãos
Duas de Juliana Valentini
Duas de Flores Welle

4 comentários:

  1. Quanta inspiração, sua e de Flores. Parabéns! Mas também o besourinho merece: é lindo! Beijos, Angela
    http://noticiasdacozinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei a poesia, embora minha plantaçãozinha de abobrinhas corra o risco de ser comida, achei lindinho esse besourinho hehe. Bjos

    ResponderExcluir
  3. E bonitinho.. Mas meus girassois q o dizem como sofrem com eles... Srsr todos furadinhos (╯3╰)
    Beijo seu Blog e mara.
    Decorehouse

    ResponderExcluir

Muito obrigada por comentar.
E se você não tem um blog nem um endereço no gmail, para enviar seu comentário basta clicar na opção "anônimo", logo abaixo da caixa de texto. Mas, por favor, assine seu nome.