quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Como fazer uma sementeira

Há dias postei sobre um exemplar de Cereja-do-Rio-Grande - Eugenia involucrata - que encontrei em São Paulo (leia aqui). Coletei frutos para produzir novas árvores a partir dessa, que é tão difícil de encontrar na cidade.
E então chegou a hora da sementeira. Aqui explico como fiz a minha, e você pode fazer igual para praticamente qualquer tipo de semente.
No caso da Cereja-do-Rio-Grande, basta separar a polpa das sementes e elas já estão prontas para germinar. Você só precisa de terra boa e uma caixa, de plástico ou madeira, que tenha furos no fundo para a drenagem da água.
Encha a caixa com terra e distribua as sementes de maneira que não fiquem muito juntas. Você pode usar como referência um espaçamento igual ao tamanho de quatro ou cinco delas.
Então cubra com uma camada de terra. Esse detalhe é importante, porque as sementes não devem ficar expostas nem enterradas demais, por isso outra boa referência é cobrir com uma camada de expessura igual ao tamanho da semente, assim, quando germinar, ela conseguirá atravessar a terra que está sobre ela. Já se o peso for demais... nada feito.
Depois disso basta colocar a sementeira em local sombreado e manter a terra úmida. Regar uma vez ao dia é o suficiente. E usar um borrifador é fundamental no caso de sementes muito pequenas, que são facilmente desenterradas pela água de um regador.
O tempo de germinação pode variar de quatro dias a vários meses, dependendo da planta, por isso é interessante se informar a respeito do que você está semeando, para não sofrer por antecipação achando que não vai dar certo e nem desistir antes da hora.
Eu, neste caso, vou passar cerca de 40 dias olhando pra terra antes de comemorar meus rebentos...

12 comentários:

  1. Primeira vez que vi o blog e adorei as dicas. Começarei hoje mesmo algumas delas. É incrível pensar como atitudes que duram questões de segundos para serem feitas, pode ter um efeito que durará anos para o meio ambiente. Parabéns pela iniciativa

    ResponderExcluir
  2. Ola amigos!!
    Eu tambem ando às aranhas para conseguir fazer germinar sementes de cerejeira.
    Todos nós sabemos que tem tecnicos agrarios que sabem, mas deitar para a sociedade seus conhecimentos é dificil,,,,--o estado tem a culpa.
    Um dia um amigo meu estava em Moçambique fazendo uma sementeiteira de --TECA---já tinham feito inumeras tentativas e nunca tiveram exito na germinação das sementes.
    Um dia estavam a fazer uma nova sementeira e tiveram de sair correndo por uma acontecimento particular.
    O meu amigo chama o ajudante e diz-lhe : olha João, cobre estas sementes com terra e depois vai embora.
    O ajudante que tambem tinha vontade de ir passear pega um pouquinho de terra e espalha só para que ninguem visse as sementes.
    Aí aconteceu que poucos dias depois as plantas estavam a emergir !!!
    Tudo tem um preceito--só que por vezes não sabemos esse preceito.

    Incito quem sabe a deixar aqui seus conhecimentos---todos ganhamos.
    Um abraço fraterno

    Eduardo
    Coimbra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eduardo, comigo também às vezes acontece de não conseguir fazer alguma espécie germinar e depois que desisto dela e jogo a terra fora, lá vem a planta!
      Obrigada pela visita e volte sempre!
      Juliana

      Excluir
  3. Poderiam me dizer por favor onde comprar as caixas de alvéolos para a germinação de plantas neste caso alface muito bem haja

    carlosmnogueira@sapo.pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carlos, aqui no Brasil é cada vez mais fácil encontrar sementeiras nas lojas de plantas e artigos para jardinagem, mas aí em Portugal não sei te dizer, infelizmente.
      Mas que tal tentar caixas de ovos? (se é que são iguais às daqui...)
      Um abraço e obrigada pela visita,
      Juliana.

      Excluir
  4. Estou amando visitar este blog,alias estou vivendo momentos ricos em busca deste aprendizado ,quero fazer parte do movimento,plantar cambuci, como possa me candidatar? tenho pés de cambuci em uma chácara na serra do mar, um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Fátima!
      seja muito bem vinda para participar da Missão cambuci. Se ainda tiver frutos, mesmo que podres, podemos nos encontrar esses dias e ainda dará tempo de fazer uma sementeira com ele.
      Se quiser tentar, me escreva: juliana@deverdecasa.com
      Um beijo!

      Excluir
  5. Juliana, o seu blog é um Mundo muito muito verdinho e maravilhoso. Adoro passar por aqui e ir lendo os seus posts.
    Muito obrigada pelas dicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sweet, eu é que agradeço suas visitas.
      Um beijo,
      Juliana.

      Excluir
  6. gente to loca ja tentei de tudo pra conseguir semente de cereja americana mas parece que so tem trambiqueiro por aise alguem souber de um lugar idoneo me deem um toque ah! adorei a pagina bjs meu email: edileuzabenedito@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Edileuza, para encontrar exatamente a espécie que a gente procura facilita bastante saber o nome científico, porque os populares variam muito de região para região, e muitas vezes o que você chama de cereja americana chamam de outra coisa por aí, e às vezes está mais fácil do que você pensava mas não sabe.
      Sugiro que tente com Edilson Giacon, no site www.ciprest.com.br
      Um abraço e obrigada pela visita,
      Juliana.

      Excluir
  7. Adorei o blog, parabéns! Conheci hoje, vou passar um tempo muito agradável lendo tudo!

    ResponderExcluir

Muito obrigada por comentar.
E se você não tem um blog nem um endereço no gmail, para enviar seu comentário basta clicar na opção "anônimo", logo abaixo da caixa de texto. Mas, por favor, assine seu nome.