quarta-feira, 24 de outubro de 2012

A primeira abobrinha a gente nunca esquece

A primeira abobrinha, colhida com a tesoura de poda psicodélica que ganhei da Mari

Hoje no almoço vai ter lindeza no cardápio: a primeira abobrinha italiana da horta. As sementes foram postas para germinar há cerca de um mês, e nos oito pés que vingaram já tenho três ou quatro grandes e gordinhas para colher. Essa da foto foi a selecionada e vai já para a panela.

O pé de abobrinha visto de cima. Cabe aí na sua casa?

Aliás, para os adeptos das hortas em pequenos espaços, estou fazendo uma experiência de abobrinha italiana em vasos, já que meus pés plantados nos canteiros da horta estão ocupando uma área de aproximadamente 80 x 80 cm cada. Por isso acho que a varanda de um apartamento ensolarado pode sim produzir alguns quilos de abobrinha.

Enterrei sementes em dois vasos grandes, um deles um pouco mais ao sol, o outro mais à sombra, e nos dois já nasceram os brotos. Dentro de um mês, mais ou menos, saberemos se isso vai dar certo. Tem todo o jeito de que vai, então acho que, enquanto faço meus testes aqui, você poderia também fazer os seus aí. Assim, com diversas situações e amostragens, a experiência fica quase científica e podemos ensinar mais gente a plantar abobrinha em casa.

Os dois brotos de um vaso...

...e os três do outro. E agora, cadê a coragem de arrancar os menores e deixar só um em cada vaso?

15 comentários:

  1. Com certeza assim que eu arrumar minha área de serviço (onde as ervas ficam, não tem varanda nem espaço na cozinha, uma pena!) vou plantar tomatinhos e ver se as abobrinhas aceitam crescer por aqui também. :)

    ResponderExcluir
  2. Abobrinha é ótima para essa experiência: produz com facilidade e generosidade incríveis. Bom plantar naqueles vasos tipo jardineira, porque ela cresce em rama e pode se espalhar. Segredo: planta num cantinho e deixa a rama ir para o outro lado. Depois é só ir escorando. Muito legal! Beijos, Angela
    http://noticiasdacozinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá, gostei muito do seu blog, tem vários assuntos interessantes. Voce poderia me tirar uma dúvida por favor? Já que tem experiência nas sua plantação de abóbrinhas e como ja tentei plantar tomatinhos e não deu certo, plantei abobrinhas, a minha está bonita e com folhas grandes, muitas amarelam rapido abaixo, perto da terra e eu vou arancando as folhas amarelas, até agora não surgiu nenhuma florzinha ou sinal de abobrinha, preciso podá-la ou fazer qualquer coisa, ou deixo como está? Vão fazer se não me engano uns 2 meses que plantei. Agradeceria muito se vc pudesse tirar essas dúvidas. Obrigada, um bom dia.
    Josy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Josy,
      muito obrigada pela visita.
      Será que você não está com falta de sol? Quantas horas de sol direto você tem nesse local onde está a sua horta?
      Pergunto porque tomatinhos cereja são sempre muito fáceis, e dois meses de abobrinha plantada já era para você ter flores e frutos.
      Folhas amarelando rápido também pode ser excesso de água.
      Se quiser me escrever no juliana@deverdecasa.com mandando descrição da incidência de luz nas suas plantas, o quanto de água tem colocado e alguma foto, fique à vontade.
      E seja sempre muito bem vinda!
      Um abraço,
      Juliana.

      Excluir
    2. Olá Juliana, puxa agradeço muito a sua atenção. Vou te confessar uma coisa, fui premiada, quando procurando no Google, algo sobre plantação de abóbrinha, achei seu blog, pois já procurei ajuda e não obtive sequer resposta. Vc foi muito gentil, se me permite então amanha tirarei foto do meu pé de abobrinha e do maracuja tbém e te explico o que faço, quem sabe, ou talvez eu esteja fazendo algo de errado mesmo. Muito obrigada mesmo, pelo carinho com seus leitores e verdadeira dedicação e prazer em fazer o que gosta. Bjos. Aguarde meu email.

      Excluir
  4. Flanzie,
    tomatinhos cereja são muito fáceis de cultivar. E, se tiver quatro horas de sol batendo diariamente na lavanderia, tente a abobrinha também, é muito gostoso vê-la produzir!

    Angela,
    o obrigada de sempre, e uma observação, baseada na minha experiência aqui: a abobrinha italiana (caserta), ao contrário das abóboras, não cresce em ramas. A planta vai só para cima, ocupando sempre uma área de mais ou menos 1 metro quadrado. E as abobrinhas saem sempre do tronco principal, na verdade o único tronco.
    Mas se as minhas começarem a emitir ramas, volto aqui para contar, claro!

    Um abraço,
    Juliana

    ResponderExcluir
  5. E a flor da abobrinha recheada e frita, hen?Delícia!Especialidade italiana."fiore de zucca"

    ResponderExcluir
  6. Tá certo, Juliana! Tem um subtipo que sobe e outro subtipo que se espalha. Acho que peguei sementes deste último lá na EMBRAPA. As minhas se arrastam pelo chão. Vou procurar desta que sobe, para plantar em vaso. Valeu a dica! Beijos, Angela
    http://noticiasdacozinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Lili, eu não tenho coragem de comer a flor! Cada flor comida é uma abobrinha a menos e eu tenho pena! rsrsrs Mas todo mundo recomenda e elogia, então vou ver se consigo cometer esse crime!

    Angela, a minha é variedade CASERTA.

    Um beijo grande,
    Juliana.

    ResponderExcluir
  8. Olá, conheci o seu blog numa busca pela internet e o mantenho nos favoritos, pois adorei os conteúdos.

    Estou montando uma hortinha no terraço e tenho tido problemas com algumas plantas, a abobrinha de tronco caserta é uma delas, já é o segundo pé que planto mesmo dando algumas flores , eles secam e morrem. Como fico no alto, tem muito vento e praticamente nunca vi nenhuma abelha ou pássaro pra polinizar, li que é necessário "cruzar" a flor fêmea com a macho, mas também nunca nasceu uma flor fêmea , será que você tem alguma dica sobre o que fazer?

    Muito obrigada por todas as dicas já publicadas.

    Tudo de bom!!!
    Abraço!

    Darly

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Use cotonetes para polinizar você mesma. Passa na flor de uma planta e, depois, na de outra. Dá certo.

      Excluir
  9. Oi, Darly,
    sem olhar a planta é difícil ter certeza do que pode estar acontecendo, mas se você diz que é terraço e venta bastante, pode ser isso.
    Que tal tentar fazer uma barraca em volta dela com algo que filtre um pouco o sol e proteja do vento?
    Em viveiro a gente usa uma tela preta que se chama sombrite. Talvez você encontre em alguma casa agrícola perto de você. Se não encontrar, tente uma tela mosquiteira, ou algo assim. Tem que proteger um pouco mas sem cortar toda a luz e a ventilação.
    Confira também, no pacotinho da semente da usa abobrinha, se você está plantando na época certa. Faz diferença.
    E volte para contar as novidades.
    Um abraço,
    Juliana.

    ResponderExcluir
  10. Oi Jú, hj plantei duas mudinhas que ganhei de uma vizinha da loja!
    Ela trouxe as sementes da Italia... Estou torcendo pros botõezinhos de flor crescerem logo!
    Um bjo

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde,
    Gostaria de saber que tipo de terra vc usou no plantio da abobrinha.
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  12. Boa tarde,
    Gostaria de saber que tipo de terra vc usou no plantio da abobrinha.
    Obrigada!

    ResponderExcluir

Muito obrigada por comentar.
E se você não tem um blog nem um endereço no gmail, para enviar seu comentário basta clicar na opção "anônimo", logo abaixo da caixa de texto. Mas, por favor, assine seu nome.